sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Vendendo o peixe

Nesta semana passei rapidamente pelo bar Chicletes com Guaraná (Rua Alvarenga Peixoto, 388, Lourdes, 31 2512-8636), inaugurado há não muito tempo debaixo da loja de roupas de mesmo nome. Ainda não conhecia a casa. Bom ponto, ambiente bem cuidado, o craque Beedoo (um dos principais barmen da cidade) como sócio, coquetéis a perder de vista, receitas do chef Claudio Santiago (um dos autores do cardápio bacana do extinto restaurante Marquês, no Santo Antônio) e por aí vai. Um lugar bem interessante (tem até apresentações de jazz semanais) e que acho que vai dar certo. Só que a parte mais curiosa da visita (mal deu tempo de experimentar um petisco, mas voltarei lá!) foi o final, quando estive na cozinha para conhecer as instalações e a equipe.



Esses são os soldados na linha de frente da cozinha do bar Chicletes com Guaraná: Carla de Abreu Libânio (advinhem de quem ela é sobrinha...) e Fábio Luppi. Muito simpática, a dupla não me deixou sair sem experimentar ao menos uma receita que estava na pauta do dia, a samosa de carne bovina. Ótima, por sinal.


Sequinha por fora, úmida por dentro e condimentada com equilíbrio. Para acompanhar, chutneys de manga e de abacaxi com kiwi. A massa não era de samosa, mas de rolinho primavera. A receita, Fábio (que é praticamente de ioga e toca mridangam, um instrumento de percussão indiano) aprendeu na internet. A que ele me deu para provar leva carne bovina, batata, limão (suco e raspas), curry, páprica, canela... mas ele também faz de frango, porco, cebola ou couve-flor. Aceita encomendas pelo telefone (31) 8482-8232.

Dá para acreditar que mesmo com esse sobrenome dando sopa por aí, nenhum dos colegas sabia que a Carla era sobrinha de ninguém mais ninguém menos do que Dona Maria Stella Libânio Christo, uma de nossas principais culinaristas e pilar da literatura gastronômica mineira - além de mãe do Frei Betto? Pois é. Aproveitando que o Fábio havia vendido seu próprio peixe de maneira tão simpática, perguntei a Carla se ela também aceitava encomendas e ela nos avisa que pelo telefone (31) 8721-2822 anota os pedidos de sua torta de legumes com queijo (o Claudio disse que é deliciosa) e de sua musse de chocolate com rum.

A conferir (cardápio do bar e encomendas).

Um comentário:

  1. e aí fabio vc ta dando um otimo chef abraços seu primo pedro

    ResponderExcluir